UA-163577615-1

Tendências do mercado alimentício em 2021


A crise em 2020 provocou diversas mudanças de hábitos na sociedade, acelerando algumas tendências que já apareciam no mercado e trazendo outras inovações. No setor alimentício isso não seria diferente, visto que o mesmo foi diretamente impactado pelo cenário e foi preciso que os empreendedores se reinventassem em diversos pontos para se manterem firmes.


Com o fim de ano se aproximando, saber quais são as tendências de mercado para esse setor em 2021 é o primeiro passo para que seu negócio se destaque no próximo ano. Pensando nisso, preparamos esse artigo que discute os principais pontos que tendem a ser o direcionamento do mercado alimentício no próximo ano.


Tendências de Consumo


1 – Alimentação saudável

Durante a pandemia, sentimentos como estresse e ansiedade foram assuntos amplamente discutidos. Dessa forma, as preferências de consumo para o próximo ano, no geral, visam alimentos que promovam o bem-estar físico e mental, que sejam saudáveis e que fortaleçam a imunidade.


Segundo o presidente de nutrição da norte-americana ADM, líder global em nutrição, “há uma maior demanda para alimentos e bebidas que apoiam o sistema imunológico, melhoram o humor e reduzam impactos ambientais”. Além disso, segundo um levantamento da própria ADM, 50% dos consumidores relataram uma preferência por alimentos e bebidas saudáveis.


Dentre esses alimentos, podem ser destacados os alimentos e bebidas funcionais, como frutas, verduras, cereais integrais, oleaginosas, água de coco, chá verde, entre outros. Também existe um direcionamento para a diminuição de consumo do açúcar refinado, substituindo-o por outras opções, como açúcar mascavo, xilitol e stevia.


2 – Alimentação plant-based

Como já falamos em um outro artigo, os alimentos feitos com base em vegetais vêm evoluindo bastante nos últimos anos, atraindo cada vez mais consumidores. O Innova Market Insight, prevê um crescente apoio popular a esse tipo de alimentação, o que levará a expansão do mesmo para diferentes regiões e categorias em 2021.


Leia também: Inovação à vista: Atenção ao mercado vegetariano!


Tendências de Mercado


1 – Digitalização dos Restaurantes

Essa tendência foi notoriamente acelerada nos últimos meses. Dados afirmam que o volume de pedidos no iFood cresceu 45%, de março para agosto deste ano, além de ter mais de 75 mil novos restaurantes cadastrados no aplicativo.


Também cresceram o número de restaurantes utilizando cardápios digitais, visando diminuir o contato do cliente com objetos do ambiente. Para 2021, a tendência é que isso permaneça, e que sejam incluídas algumas outras inovações que vem crescendo, como o pagamento via QR code.



2 – Diminuição de interação humana

Enquanto a questão da pandemia não é controlada, é recomendado que as pessoas mantenham distanciamento entre si e evitem ambientes com muitas pessoas. Atualmente, os restaurantes possuem um maior espaçamento entre as mesas e alguns contam até com placas de acrílico nas mesas ou entre elas, que servem de barreira.


Assim, em 2021, é importante repensar em servir bufês, usar travessas compartilhadas e começar a considerar a digitalização de cardápios, reservas, pedidos e serviços. Os ambientes abertos também devem ganhar destaque frente aos fechados, visto que dessa forma a propagação do vírus é menor.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

CONTATO

  • Instagram - White Circle
  • LinkedIn - Círculo Branco

UFPB Campus I, Castelo Branco, João Pessoa-PB, +55 83 8206-1669- contato@ejprojeq.com

CNPJ: 23793980000122