UA-163577615-1
 

ESTOQUE: COMO O PROCESSO IMPACTA A LOGÍSTICA!


Diante do cenário de pandemia que vivenciamos hoje, o mercado está buscando adaptação para o enfrentamento desse vírus, com isso muitos estabelecimentos têm que se reinventar e se organizarem mais do que nunca para não deixarem de existir, e trabalharem de acordo com a demanda.

A princípio é necessário entender a fundo o seu tipo de negócio, ter um processo estruturado e dados precisos é fundamental para organizar a casa e definir quais caminhos seguir. Estoque consiste no armazenamento de produtos em um sistema de fabricação, sejam esses com finalidade de uso na produção ou destinados ao consumidor final, e pode ser um dos ativos mais valiosos para a empresa. Nos setores de varejo, manufatura, food service e outros, os insumos e os produtos acabados representam a essência do negócio e má gestão de estoque pode comprometer, inclusive, a sobrevivência do empreendimento.

Por esse e outros fatores, o gerenciamento de estoque é de grande importância para todas as empresas, independentemente de seu porte. Ficar ciente do seu custo de produção, da margem justa de lucro para cada item, a hora certa de reabastecimento de determinada mercadoria, o tempo de prateleira, a necessidade e momento de compra e produção, além da organização do material armazenado facilitando a acessibilidade, é essencial para a manutenção das atividades trazendo praticidade e agilidade na realização da tarefa que pode ser complexa e muito delicada.

Um exemplo de sistema organizacional que retrata uma filosofia de administração, é o JIT(Just In Time) que vai além da produção e da logística de um negócio, ele impacta todos os envolvidos na cadeia de produção, venda e compra de um produto, com